Too Young To Wed – Um Bom Site para uma Boa Causa

Too Young To Wed é uma organização não lucrativa que se dedica à criação de uma comunidade com o fim de erradicar o casamento infantil e de proporcionar oportunidades às meninas que casam forçadamente com homens muito mais velhos. Segundo a organização, esta prática cultural, ainda comum em países árabes e asiáticos, marca negativamente a experiência de vida destas meninas, cuja oportunidade de educação e desenvolvimento pessoal lhes é roubada permanentemente.

Para além de este tema ser de grande interesse pessoal, o Site Oficial da organização está muito bem construído e é um exemplo a seguir por outras organizações. Como já referi, once you go RP you never go back, portanto, as lentes de visão RP estão sempre postas. Apelo-vos desde já que visitem o site (http://tooyoungtowed.org/) para conhecerem melhor as ações da organização e que contribuam com o vosso donativo.

Mas o que é que faz um bom Website?  

Primeiro vamos prestar atenção às primeiras impressões que o Site Too Young To Wed causam:

home page

O URL da página é logico: o nome da organização. A home page é constituída por uma imagem que ocupa todo o quadro visual do site e no centro encontra-se o nome da organização. Apesar de à primeira vista não estar identificado o responsável pelo site, a fotografia da menina e o nome que se enquadra na imagem “Too Young Too Wed” (demasiado nova para casar) fazem-nos perceber de que assunto trata o site. Estes dois elementos da home page fazem com que o visitante crie uma ligação emocional com a menina e que este fique curioso.

Conseguimos também perceber que o site foi otimizado para que se navegue utilizando o scroll down. Esta é uma forma de navegação simples, dinâmica e efetiva em PC´s.

Quando se faz scroll down, surge uma sequência de imagens e depoimentos que configuram o seguimento do menu. O scroll down permite nos navegar pelas subpáginas que constituem o menu e o conteúdo do site.

1

O menu que se encontra do lado direito da página permite saltar diretamente para a subpágina pretendida. Logo abaixo do menu encontram-se os botões que permitem navegar até às Social Media da organização.

Analisando estes elementos, a primeira impressão que o site causa é boa. Navegação fácil, dinâmica, design apelativo e um “ambiente” que desperta automaticamente a curiosidade do visitante: 20/20

Outra dimensão que torna um site exemplar é a facilidade de entrada no site:

2

Quando se pesquisa no motor de busca da Google “Too Young To Wed”, o primeiro link que surge é o link do site oficial da organização. De seguida encontra-se o link de uma reportagem da organização no Youtube, as suas social media, e várias noticias relacionadas com a organização. A otimização de pesquisa é boa.

Não existem click ads que remetam para o site da organização nem publicidade offline. Os social Media são as únicas páginas que dão acesso ao site oficial.

As palavras chaves que remetem para o tema da organização também não estão bem otimizadas. Quando se pesquisa no Google “Child marriage”, palavras-chave óbvias que deveriam estar associadas à pesquisa da organização, não aparece nenhum link que remeta para a organização.

Analisando a situação atual de facilidade de entrada no site, pode-se dizer que esta poderá ser melhorada de modo a trazer mais visitantes ao site oficial.  A pesquisa no Google poderia estar melhor otimizada e as palavras-chave relacionadas com o casamento infantil não remetem para o site da organização.

Facilidade de entrada no site: 6/20.

Relativamente à navegação, já concluímos que esta é fácil e dinâmica.

Conseguimos regressar facilmente à homepage e saltar de subpágina em subpágina no menu, se não quisermos utilizar o scroll down como modo de navegação. Não existem broken links no site, e os links internos são maioritariamente em forma de texto (palavras). Contudo, o site não disponibiliza um motor de busca interno.

Facilidade de navegação: 18/20.

O design do site é, de facto, esteticamente apelativo.

gggg

 

A forma de navegação tem uma componente estética importante no site: torna-o dinâmico e apelativo. O layout é simples e as cores usadas remetem para as culturas árabes e asiáticas (principais regiões onde se pratica o casamento infantil). O tipo de letra é legível e combina com a estética cultural que o site pretende transmitir. O site está bem organizado visualmente e o espaço está bem aproveitado.

Design do site: 20/20

O conteúdo é um indicador importante na avaliação de um site.

Como já vimos, a organização luta contra o casamento infantil, logo, os seus conteúdos estão relacionados com o tema. O conteúdo do site é muito visual: a imagem e os vídeos falam por si próprios. Estes conteúdos visuais servem para chamar a atenção e para alcançar os visitantes emocionalmente. A disposição e tipo de conteúdo fazem lembrar uma reportagem fotográfica documental. Muito dos conteúdos disponíveis no site são, de facto, reportagens fotográficas.

4

Quando se trata de assuntos deste género (auxilio humanitário, direitos humanos, etc.) faz sentido que os conteúdos sejam visuais e criem ligação emocional. Esta é uma forma de call-to action indireta, em que se pretende alcançar o visitante através das suas emoções, de forma a leva-lo a agir e a cooperar com a organização. Alem deste call-to-action indireto, existe uma subpágina “Donate” em que o visitante pode doar dinheiro à organização. A página está disponível no menu lateral e deverá ser acedida depois do visitante ter feito uma “viagem emocional” pelas historias e conteúdos sobre o tema.

Este conteúdo consiste em imagens, vídeos, galerias, reportagens que contam as historias das jovens raparigas que foram obrigadas a casar precocemente, e testemunhos das próprias raparigas.

fvr

Existe uma subpágina “About” no menu lateral.  Esta página é de fácil acesso e contém informações acerca da missão da organização e do seu nascimento, dos contactos da organização e da equipa que forma o projeto.

O conteúdo é suficiente para o tipo de organização de que se trata. A informação e conteúdos não são atualizados muito frequentemente, isto porque, mais uma vez, se trata de um site de uma organização não lucrativa que tem como objetivo alertar e chamar à ação.

Os conteúdos são de fácil compreensão, uteis e estão disponíveis em 3 línguas: inglês, castelhano e francês.

O site tem um link para o blog da organização, que tem noticias e mais informações sobre historias de casos de sucesso. O site tem termos e condições de uso e politica de privacidade, mas estão escondidos na página “Donate”.

5

Contudo, não há muita interação com os públicos no site: não existe a opção de comentar os conteúdos. As informações do site são factuais.

Conteúdo: 15/20.

Relativamente à compatibilidade, o site tem formato mobile mas a informação carrega lentamente e a navegação scroll down tem alguns problemas. O site está otimizado para todos os browsers.

Compatibilidade: 10/20.

Para finalizar, o site oficial da Too Young To Wed é um bom exemplo de um site de uma organização não lucrativa, tanto pelo seu conteúdo como pelo design e pelo interesse que desperta. Os call-to-action estão bem concretizados e a informação é útil. Contudo, há espaço para melhorar alguns aspetos, tais como a facilidade de entrada e a compatibilidade com outros formatos.

Hoje em dia, a comunicação em ambientes digitais é muito importante porque cada vez mais as pessoas usam estes meios para obterem informação. O Site Oficial de uma organização é muitas vezes o elemento de primeira impressão e é um elemento importante na construção da identidade e imagem da organização. É necessário que este seja apelativo e que desperte interesse dos públicos.

Nota geral do site Too Young To Wed: 16/20

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s